Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Paixão-Coaching, o blog

Posts sobre Coaching e Treino Desportivo



Segunda-feira, 25.01.16

Atenção aos Resultados, não adormeças.

taxi-hard.jpg

 

Numa aldeia viviam dois homens que se chamavam Joaquim Gonçalves. Um era o padre da paróquia, o outro era taxista. Quis o destino que ambos morressem no mesmo dia. Chegam então ao céu, onde São Pedro os aguarda.

- Como te chamas? – pergunta o santo ao primeiro.

- Joaquim Gonçalves.

- O padre?

- Não, o taxista.

São Pedro consulta os apontamentos e diz:

- Muito bem, ganhaste o Paraíso. Estas túnicas bordadas a ouro são para ti. Podes passar para a nossa zona de lazer e spa com massagens especiais, piscina e jacuzzi…

- Muito obrigado respondeu o taxista.

Passam mais duas ou três pessoas e chega a vez do outro.

- Nome?

- Joaquim Gonçalves.

- O padre…

- Sim.

- Muito bem meu filho. Ganhaste o Paraíso. Esta túnica de linho é para ti. Podes passar para a cozinha onde irás descascar batatas, lavar taxos e panelas.

- Não, não pode ser! Eu conheço o outro homem, era taxista na minha aldeia, era um desastre! Subia passeios, batia com o carro dia sim, dia não, uma vez espatifou-se contra uma casa, derrubava postes de iluminação, levava tudo á frente. Conduzia mesmo muito mal… E eu passei 75 anos da minha vida a pregar todos os domingos na paróquia, como é possível ele ficar com a túnica de ouro, ir para a zona de lazer e eu com a túnica de linho trabalhar para a cozinha? Deve haver engano!

- Não, não há qualquer engano – afirma São Pedro. – o que acontece é que aqui, no Céu, não costumamos avaliar as coisas como vocês na vida terrena.

- Como? Não entendo…

- Claro… agora, observemos os resultados…, Olha no teu caso vou-te explicar e vais compreender: durante os últimos vinte anos, cada vez que pregavas as pessoas adormeciam; mas de cada vez que ele conduzia, as pessoas rezavam. Resultados! Compreendes agora?

 

Esta história foi contada por um sacerdote amigo de Jorge Bucay no seu livro “As 3 perguntas – Quem sou? Onde vou? Com quem?”.

Algumas pessoas dão demasiada importância aos resultados e outras ao processo para a sua obtenção. Não se fie exclusivamente numa das partes, qualquer delas é importante. Ir atrás dos resultados a qualquer preço pode afastá-lo das pessoas e conduzir a alguns acidentes de percurso. Por outro lado, se tiver demasiado calmo quanto ao processo e não for objetivo poderá adormercer…, sem resultados!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ppmiguel às 15:33


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog