Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Paixão-Coaching, o blog

Posts sobre Coaching e Treino Desportivo



Sexta-feira, 01.03.19

Wellcome to Iten

DSC_0257.JPG

Iten é uma cidade com cerca de 42.000 habitantes, provavelmente não mais de 10% reside na cidade – os restantes nas povoações e campos em redor. Vários sites na internet referem que haverá mais de 1000 atletas a viver e a treinar por aqui. Algumas pessoas com quem falámos referiram-nos que a maioria da população são atletas. A minha perceção é que os atletas não serão mais do que 1/3 da população na cidade, o que ainda assim daria um número superior a 1500 atletas. Contando com os que vivem nas aldeias dos arredores a quantidade de atletas pode chegar aos 10.000.

Para além dos atletas que vêm de todo o país, para aqui se instalarem e tentarem a sua sorte na corrida, a maioria da população dedica-se à agricultura e à criação de gado. Sendo uma zona rural, é possível verificar que praticamente todos os terrenos são cultivados e abundam pequenas unidades de vacas e ovelhas.

No centro da cidade há pelo menos 3 bancos e também algumas instituições administrativas, hospital e o principal colégio da zona – St. Patricks. Por todo o lado há pequenos quiosques de comércio, a maioria deles vende fruta e legumes, não estivéssemos nós numa zona agrícola.

A maioria das casas são rudimentares, algumas são verdadeiras barracas de madeira ou chapa de zinco, tal como os quiosques de comércio.

No centro da cidade e próximo da estrada de alcatrão há varias casas em cimento, algumas delas com boa qualidade de construção. Pelo que me referiram, por aqui os terrenos, quanto mais perto da estrada principal, mais valiosos. Talvez por essa razão, as casas mais afastadas da estrada são de construção muito básica.

Apesar destas dificuldades, a rede móvel tem uma qualidade apreciável. Ainda assim, por estes dias tem estado algo instável, tal como a eletricidade que falha diversas vezes, especialmente quando o vento é forte.

A oferta de transportes é elevada, mas de privados. A cada esquina é possível ver motas que podem transportar um, dois ou 3 passageiros (às vezes com carga) – chamam-lhes pikipiki e levam as pessoas da cidade para os campos e vice-versa, ou a qualquer local que seja solicitado. O outro meio de transporte, são os matatus. Matatus são carrinhas de 9 lugares, a maioria Toyota Hiace, mas também há várias Mazda, Nissan e outras marcas. Embora estes carros sejam de 9 lugares, podem ter 4 ou 5 filas de bancos e só arrancam da “estação” quando estão completos, levando sempre mais passageiros do que era suposto – um carro de 9, adaptado para 12 pode levar até 20 pessoas (numa das nossas viagens erámos 16). Estes carros podem contratar-se para uso privado, sendo o preço negociável. Se uma viagem de 15 a 30kms pode custar 50 a 100Ksh (menos de 1euro) por pessoa, para uso privado com 9 pessoas para ir treinar a uma cidade que fica a 15km, pagámos 2000ksh (18euro). Esse carro fez o trabalho que um táxi faria, ida e volta, mas aguardando as 2h que durou a nossa sessão.

Quanto a autocarros, os que vemos por aqui são todos amarelos e servem apenas para transporte escolar. Podem ser de escolas públicas ou privadas que recebem apoio estatal para esse transporte. Para além dos autocarros, também há minibus que se deslocam nos caminhos rurais recolhendo os alunos.

A população é bastante amigável com os estrangeiros, especialmente os corredores, que deverão ser praticamente todos os que aqui vêm de fora, sejam atletas de alto rendimento ou turistas runners que vêm viver a experiência queniana da cidade dos campeões. Especialmente as crianças, com as suas saudações, “Hi” ou “How aaaar´you?”. Quando passamos perto esticam a mão e se retribuímos e lhe tocamos ficam todas contentes. É possível verificar que são felizes com pouco. Algumas das suas brincadeiras, são as que víamos em Portugal nos anos 70. Inventam brinquedos, como papagaios com uma cana, um fio e um saco de plástico aberto.

Não raras vezes, quando passamos a correr, acompanham-nos, mesmo de chinelos miúdos com 8, 9 anos chegam a fazer 1km connosco. Que festa!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por ppmiguel às 08:51



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog